Art déco em Copacabana

O Zona Sul publicou em reportagem: ”Toda segunda quarta-feira do mês é dia de voltar no tempo em Copacabana. O Roteiro Art Déco se tornou uma concorrida opção de lazer no bairro, permitindo que moradores e turistas conheçam a região por meio das construções desse estilo arquitetônico, que surgiu na Europa nos anos 1920. A atividade foi idealizada por um grupo de empresários do Lido que, em 2009, decidiu arregaçar as mangas e trabalhar pela região. O hoje “Polo Lido+Leme” promove essa e outras ações, que buscam a revitalização do bairro, o incentivo aos comerciantes e o lazer dos moradores. O responsável por guiar esse roteiro é o historiador Milton Teixeira, que leva os visitantes a 11 prédios do bairro. O passeio, que começa às 14h na Rua Ronald de Carvalho 55, inclui uma parada para histórias no Beco das Garrafas. — Esses prédios são abertos especialmente para nós. Conhecemos obras de artes que são vetadas ao grande público. O mais antigo dos edifícios é o Ribeiro Moreira, na Ronald de Carvalho com a Avenida Atlântica. Esse foi o primeiro arranha-céu de Copacabana. O hall de entrada e os espelhos estão intactos. Foi feito para durar — explica Teixeira. O historiador conta que, em 1926, a legislação mudou, passando a permitir a construção de residências com mais de quatro andares. — Copacabana foi um bairro que despontou a partir dos anos 1920. Nessa época, não era mais vantagem fazer residências, os terrenos eram caros. Com a aprovação da nova lei, os primeiros a ocuparem os prédios foram os portugueses. Os arranha-céus tinham oito andares. Ficavam exatamente na área do Lido, que era menos povoada. — relata. Nessa época, o art déco, era o estilo arquitetônico em alta. Para Teixeira, é importante que as pessoas conheçam essa parte da história do bairro: — Quem procura a história vai atrás da sua identidade. Não é possível ir para frente se não visitarmos o que está atrás”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Zona Sul/Reportagem: Mayara Mendes e Luiz Guilherme Julião/30/06/16

 

Comentar

Seu email nunca será publicado ou distribuído.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>