Abrindo as portas do Casa Cor Rio 2012 – parte 2

O Radar Decoração continua a apresentar para você os ambientes do Casa Cor 2012. Entre os destaques, boas soluções e ideias criativas que mostram as tendências no mercado de decoração e arquitetura:

Pátios Internos, de Anna Luiza Rothier

Os jardins dos dois pátios internos do prédio ganharam árvores altas, palmeiras e bambusas de caule negro, com mais de cinco metros de altura. “A construção tem pé direito altíssimo. Se colocasse espécies baixinhas elas sumiriam na arquitetura imponente do casarão”, conta Anna Luiza Rothier. Seus pátios cercam o Cocktail Bar e além de plantas, muitas plantas em diferentes tons de verde, abrigam decks em madeira, bancos, mesas e cadeiras cobertas com ombrelones, pérgula e loft com sofás e poltronas.

 

Laboratório Gourmet, de Duda Porto
O espaço tem geladeira antiguinha toda em madeira e bancada em mármore statuarieto , tipo carrara. As paredes ganharam dois revestimentos: tijolos da Palimanan, da Ekko, na parte superior, e madeira freijó embaixo. Uma grande mesa central, a Canavial, serve de conexão entre as áreas de trabalho e de degustação. “Um sofá em L abraça a mesa, tornando o ambiente ainda mais aconchegante”, diz o arquiteto.

Estúdio do Marchand, de Mario Santos, Eliane Amarante e Denise Niemeyer

Fragmentos de enfinges, frisos, sancas e da própria fachada do antigo Hotel Sete de Setembro estão expostos em vitrines no centro da sala. Pequenas relíquias e também objetos de pesquisa do morador do Estúdio, um marchand especializado em restauração. O espaço multiuso tem móveis em tamanho reduzido e peças com múltiplas funções, como o balcão em caesarstone que serve à cozinha e também funciona como mesa de jantar e de trabalho, e o banheiro que abre para o quarto e a sala. “Investimos neste novo conceito de moradia, onde as pessoas moram em apartamentos pequenos, mas dispõem do conforto de um condomínio com todos os serviços de hotelaria”, conta Mário Santos, que concebeu a organização dos espaços da Casa Cor Rio.

Estúdio do chef, de Thoni Litsz

Uma homenagem do arquiteto aos chefs de cozinha Fábio Batistella, do Meza Bar e do doiZ, e Pedro de Artagão, do Irajá Gastrô, o espaço é dividido em cozinha gourmet e um quarto, onde predominam os tons de azul, cinza e pérola. “Criei o ambiente pensando em um jovem solteiro que tem a gastronomia como hobby e gosta de receber os amigos em torno de um bom vinho e boa comida”, diz o arquiteto.

 

Fotos: Rodrigo Azevedo

Comentar

Seu email nunca será publicado ou distribuído.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>