Inauguração da “Múltiplos + Múltiplos”

“Parece uma exposição de museu”, foi o comentário geral na inauguração da mostra Múltiplos + Múltiplos ontem no Leblon que reúne até 15 de janeiro de 2013, uma exposição coletiva do que de melhor se produz na arte em papel no Brasil e no exterior. O catalão Antoni Tàpies, o espanhol Jaume Plensa (que trouxe para o Rio, no mês passado, a gigantesca escultura Awilda, exposta na Praia de Botafogo), o alemão Josef Albers, o chinês Huai-Qing Wang, o venezuelano Cruz Diez, o americano Frank Stella, o búlgaro naturalizado americano Christo e o catalão Riera i Aragó estão lado a lado de grandes nomes brasileiros como Daniel Senise, Cildo Meireles, Marcos Chaves, Waltércio Caldas, Beth Jobim e Gabriela Machado. “Puxa, essa exposição eu queria levar para o MAM”, disse Luiz Camilo Osório (curador do Museu de Arte Moderna) que ficou impressionado com a alta qualidade dos trabalhos expostos. “Depois de dois anos de galeria fica claro que a procura e o reconhecimento do papel como suporte da boa arte passou a ser novamente valorizado”, afirma Maneco Muller, consultor da galeria. “O Papel definitivamente ganhou sua autonomia. Nessa exposição podemos verificar desenhos, pinturas e objetos aplicados no papel”, completa. Veja nas fotos.

Comentar

Seu email nunca será publicado ou distribuído.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>