José Bechara “Duas de você”. Série Open House, 2013 /Latex sobre madeira / 50 x 65 x 100 cm / Coleção do Artista RJ

Casa Cidade Mundo tem tema central imaginar propostas e soluções para a realidade brasileira, como graves problemas de habitação, desenvolvimento urbano e crescimento das cidades sob o prisma da arte, primeiro módulo do projeto A Beleza Possível, que o Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica, no Rio de Janeiro, abriga a partir de 3 de outubro, às 10h. Com realização do Instituto CASA –  Convergências da Arte, Sociedade e Arquitetura e curadoria de Evandro Salles, a exposição propõe “a arte como geradora de identidade, a cultura como convergência de arquitetura, cidadania e arte”, diz o curador.

Casa Cidade Mundo apresenta cerca  de 100 obras de artistas plásticos, arquitetos, artistas e pensadores que tratam do tema em suas obras ou que produziram trabalhos especialmente para a mostra [lista de participantes abaixo]. Poderão ser vistas desde obras referenciais na história da arte brasileira, como duas maquetes de casa de Lygia Clark feitas nos anos 1960, até desenhos, maquetes, fotografias, registros de ideias, textos e outras formas de elaboração visual e textual em torno da CASA como signo fundamental da cultura.

SERVIÇO:

CASA CIDADE MUNDO

Curadoria: Evandro Salles

Abertura: sábado, 3 de outubro, 10h

Em cartaz: 5 de outubro a 14 de novembro de 2015

Horários: segunda, quarta e sexta, das 12 às 20h; terça, quinta e sábado, das 10 às 18h

Realização: Instituto CASA (Convergências de Arte, Sociedade e Arquitetura) Apoio: Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica, MAR (Museu de Arte do Rio), MAM Rio (Museu de Arte Moderna do RJ),  Museu Nacional de Brasília e da Coleção Sérgio Carvalho (Brasília).

CENTRO MUNICIPAL DE ARTE HÉLIO OITICICA Rua Luís de Camões, 68 –  Centro, Rio de Janeiro –  21 2242 1012  

 

Lygia Clark

“Construa você mesmo seu Espaço de Viver”, 1960

acrílico e madeira

Foto Marcelo Alvares Correia

Cortesia Associação Cultural “O Mundo de Lygia Clark”

Pedro David

“Fachadinhas” (detalhe), 2007/2014

Fotoinstalação com 19 fotografias

Impressão de pigmentos minerais sobre papel, com molduras de madeira

Dimensões variáveis, montadas em aproximadamente 8 metros de extensão

Museu de Arte de Brasília

Umberto Costa Barros

“CONTRATOSOCIAL”, 2008

Objeto

96 x 66 cm