Aconteceu ontem a abertura da exposição “Tíbias, cérebros, crânios, rádios e úmeros”, primeira mostra pública do trabalho como fotógrafo do ator Carmo Dalla Vecchia. A inauguração aconteceu ontem, na Sergio Gonçalves Galeria.  A exposição tem curadoria do fotógrafo e artista visual Leonardo Ramadinha e reúne 19 fotos em preto-e-branco de uma mesma série: homens e mulheres deitados nas mais diversas situações. Pouco ou nada se vê do rosto. “A primeira vez que vi esta série do Carmo fiquei muito impressionado. Não havia ali uma imagem descartável e todas me fizeram, de alguma maneira, pensar”, disse o curador. A qualidade de Carmo como fotógrafo surpreendeu os amigos e convidados que não conheciam esse seu lado. A exposição fica até o dia 27 de junho. Veja quem estava presente nas fotos de Fernando Grosso.