O caderno Barra trouxe em matéria: “Onda do ‘faça você mesmo’ cresce graças ao desejo de economizar ou criar peças e ambientes exclusivos “Não há lugar como o nosso lar”, disse Dorothy ao Espantalho na obra literária “O mágico de Oz”, escrita por L. Frank Baum e lançada em 1900, nos Estados Unidos. Mais de um século depois, é da seleção criteriosa entre dezenas de tons de tinta, do cuidado em trabalhar com diferentes materiais e da convicção de que a imaginação pode criar novos caminhos que profissionais de diferentes áreas pegam em ferramentas para construir o mundo de seus sonhos em casa. De tanto se dedicar a produzir peças artesanais e criar ambientes baseados apenas em seu próprio gosto (e não em regras de ouro da decoração), eles acabaram se tornando referência; primeiro, para os amigos, e, depois, para os seguidores dos blogs que se animaram a criar. Em tempos de crise econômica e valorização da personalidade, a onda do “faça você mesmo”, ou “do it yourself ” (DIY), ganha nova força”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Barra/Reportagem: Carolina Callegari/27/03/16