Com 140 metros quadrados, três bons quartos e ambientes amplos, o apartamento em Ipanema já tinha passado por uma boa reforma quando os jovens proprietários convocaram a arquiteta Simone Jazbik – que por muitos anos trabalhou no escritório de Cadas Abranches – e pediram que ela sugerisse boas doses de cor e charme. “Eles não tinham ficado satisfeitos com o resultado da reforma e estavam achando tudo muito branco e sem graça. Por isso, me pediram para aquecer a decoração, trazendo ideias diferentes e charmosas”, conta ela. “Adorei o desafio”, acrescenta.

Sem quebra-quebra e com muita criatividade, Simone propôs soluções rápidas: trocou forrações de estofados, fez um garimpo de objetos, mudou sofá, cadeiras, luminárias e ainda comprou obras de arte. “Em pouco tempo, a casa se transformou completamente. E ganhou personalidade. Aproveitei a estante da sala, que tinha linhas retas, e só precisava de uma arrumação mais bacana. Nos quartos, parti do zero: ali só a base estava pronta. Com uma boa marcenaria, eles ficaram confortáveis e acolhedores”, revela ela, que não titubeia ao apontar a peça chave que foi o maior investimento dos proprietários. “Foi a poltrona Mole, assinada pelo designer Sergio Rodrigues, que fica na sala de estar. Ela tornou o ambiente ainda mais convidativo Sem dúvida, valeu a pena”, conclui ela.