Sempre de olho nos detalhes, o arquiteto Carlos Motta conta que essa característica o levou a escolher a arquitetura como profissão. Em entrevista ao Radar Decoração, ele conta sobre os projetos que está fazendo e define seu estilo: “Transito entre o moderno e o clássico, sem muitas regras, apenas o uso do bom senso, que é meu companheiro em qualquer projeto”. Leia mais em Entrevistas.