Com curadoria de Fábio Zuker, a Galeria Athena inaugura, hoje, dia 19 de fevereiro, a exposição “Cobra Criada, em Botafogo, com cerca de 20 obras inéditas de Frederico Filippi, que tratam da questão do desmatamento e dos conflitos gerados pelo embate entre o poder econômico e os modos de vida não hegemônicos. Serão apresentados desenhos e uma instalação, que enfatizam os materiais utilizados – metal e madeira – e os atritos geradores de fluxos invisíveis, como uma metáfora política. No grande salão da galeria, que tem 140m² e pé direito de 6,5m, estarão trabalhos feitos em metal. Neste espaço estarão dez grandes chapas de aço pintadas com spray preto e arranhadas com metais, formando desenhos abstratos a partir do atrito dos materiais. Nas paredes desta mesma sala estará a obra “Cobra Criada”, que dá nome à exposição e é feita com correntes de motosserra dispostas como se fossem palavras. Ao olhar de longe, a sensação é de haver uma frase escrita, mas de perto descobre-se que são objetos cortantes. Na sala menor da galeria estarão os trabalhos em folhas de madeira, feitos com carvão e tinta asfáltica. 

Exposição COBRA CRIADA – Galeria Athena (R.Estácio Coimbra, 50 – Botafogo – Rio de Janeiro – RJ) /  De 19 de fevereiro a 06 de abril/2019 – às 19 horas.