Com exposições individuais e participações em coletivas em várias cidades na Europa, a artista plástica Goia Mujalli volta ao Brasil, depois de quatro anos fora, para mostrar seu trabalho no Rio, sua cidade natal. A artista abriu a exposição “Resíduos de um ritmo”, com curadoria de Mario Gioia, na terça-feira, dia 21, no espaço Marcus Soska Escritório de Arte, Shopping Siqueira Campos. Sete telas em acrílico ou combinando acrílico com serigrafia são apresentadas, com títulos sugestivos como “Ensaio de Balé”, “Cabelos”, “Água-Viva” e “Piano”. Em 2011, com 25 anos, Goia deixou o Rio para estudar na Slade School of Fine Art, em Londres. Agora, além de trabalhar no espaço Tramps, em Londres, a artista cursa o mestrado do Royal College of Art com ênfase na pintura. Veja como foi a vernissage nas fotos.