O Instituto Moreira Salles do Rio de Janeiro inaugurou ontem a exposição “William Kentridge: fortuna”, com 38 desenhos, 27 filmes e animações, 184 gravuras e 10 esculturas produzidas pelo renomado artista sul-africano entre 1989 e 2012, incluindo séries inéditas de trabalhos. Essa é a primeira grande exposição monográfica sobre Kentridge na América do Sul. A mostra fica em cartaz até 17 de fevereiro. Confira o evento na galerias de fotos de Paulo Jabur.