Etel Carmona uniu-se a Carlos Motta para reeditar a linha Atelier, integrada por cadeiras e poltronas criadas pelo designer entre o fim dos anos 1970 e 2006. Ao todo são 13 modelos, antes produzidos em madeiras como mogno ou amendoim, que ganharam versões com tonalidades mais claras e suaves graças ao uso da madeira freijó. “Parecia que eu estava vendo uma filha que ficou um tempo estudando em Londres e voltou diferente, mais branquinha”, diverte-se. No Rio, o lançamento da coleção foi ontem, dia 30, na loja Arquivo Contemporâneo de Ipanema, com direito a vitrine nova assinada pelo arquiteto Miguel Pinto Guimarães. Veja nas fotos de Cristina Lacerda.