A coluna de Ancelmo Gois publicou em nota: “O antigo edifício Seminário São José, na Rua Primeiro de Março 43, no centro histórico do Rio, está sendo demolido. O imóvel, que não era tombado, foi construído há uns 80 anos por Leonídio Gomes e Architetos, empresa que fez a sede da Cruz Vermelha, de 1923, no Rio. Vai dar lugar à Torre Primeiro de Março, que deve ficar pronta em 2016. Será um edifício comercial de 19 andares, a cargo da incorporadora Novo Rio — do grupo Monteiro Aranha e do Espírito Santo Property do Brasil. Por sugestão do Iphan, o grupo deve preservar a fachada de estilo eclético. Menos mal”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Rio/Ancelmo Gois/17/01/14