Nesta quinta-feira, (27/08), o Oi Futuro abriu as exposições “A Cristaleira”, de Bruno Miguel e “Janela Provisória”, de Maria Lynch. Com curadoria de Alberto Saraiva, as mostras reúnem, respectivamente, 76 obras instaladas na vitrine ocupada por Bruno Miguel, e um (01) banner de 11m² que ocupa a fachada do prédio do Centro Cultural no Flamengo. Ambas permanecem em visitação até outubro. No mesmo dia, foi inaugurada nas galerias internas a exposição “Quase Aqui”, de Daniel Senise.

Veja só quem passou por lá!

crédito: paulo jabur