O Oi Futuro inaugurou, neste domingo,  a exposição “Narrativas”, de Chico Cunha, com a curadoria de Alberto Saraiva. O artista carioca apresenta uma instalação de 52m com esculturas feitas 800 kg de balas transparentes coloridas e dois vídeos. As figuras produzidas com as balas são personagens inspiradas nas pinturas do artista renascentista Pieter Bruegel e do pós-impressionista Henri Rousseau.

As obras referem-se às pesquisas pictóricas e espaciais desenvolvidas por Chico Cunha desde a década de 1980 até os dias de hoje, em que trabalha com as possibilidades da narrativa na pintura. Inicialmente fazia alusões à escrita e, com o tempo, a  figura entrou em seu trabalho. Hoje faz uma junção das questões que o atraem na pintura: figuras, paisagens e referências da arte. A instalação que apresenta está diretamente relacionada ao seu trabalho de pintor, materializando o espaço das suas pinturas.   “Minha pesquisa continua sendo sobre as questões da pintura,  meu trabalho sempre esteve relacionado com o figurativo e com a narrativa. Desde o início da minha carreira, há 30 anos, eu me interesso pelo universo lúdico. Me interessam as imagens, a cor e a própria materialidade das balas de açúcar, mas podemos ir além, e discutir também a questão da gula e da perenidade. A ação do tempo durante a exposição vai transformar o material, tudo isso me interessa. Isso tem a ver com a minha pintura porque não deixa de ser uma representação de um espaço com personagens. Meu trabalho sempre versou em torno da paisagem e de elementos nela inseridos”, explica o artista.

Exposição: “Chico Cunha I Narrativas”/ Centro Cultural de Dezembro, 63 – Flamengo/  De 9 de abril a 2 de junho de 2019 /  Entrada franca.

Fotos: Paulo Jabur

Foto: Vanvan Seiler e Paulo Henrique Cardoso;  Tina Velho Neville D`almeida.

 

Foto: Chico Cunha e Daniel Feingold; Vicente de Mello e Patricia Gouvea

 

Foto: Beatriz Milhazes, Rodrigo Andrade e Bel Ferreira.

 

Foto: Luiz Ernesto e Ceiça Cirillo;  Rubem Grilo e Nara Reis

 

Foto: Katie Van Scherpenberg e Raquel Silva; Raquel Silva e Andriana Maciel