A marca Swarovski e os designers franceses Ronan e Erwan Bouroullec criaram o Lustre Gabriel, primeira peça contemporânea que ficará exposta permanentemente no Palácio de Versailles. No dia 14 de novembro, será realizado um jantar no palácio para apresentar a peça, com a presença de personalidades como Carla Bruni–Sarkozy, Jean Paul Gaultier, Karl Lagerfeld, Mario Testino, Ricardo Tisci, Sofia Coppola, Valentino, entre outros. A partir de 15 do mesmo mês, a visitação será aberta ao público, sendo esperados 8 mil visitantes por dia.

O lustre possui 12 metros de altura, pesa meia tonelada aproximadamente e é composto por 800 cristais Swarovski e 3 mil lâmpadas de LED. Toda essa estrutura levou três anos para ser construída. Os irmãos Bouroullec foram escolhidos por Versailles para desenvolver o projeto em 2011 e, como já haviam trabalhado com a Swarovski no evento Crystal Palace, realizado por Nadja Swarovski em Milão, convidaram a marca para participar. A peça ficará suspensa por alças no teto, formando um desenho orgânico composto pelas centenas de cristais e lâmpadas LED entrelaçados. A intenção era iluminar e dar ainda mais destaque à Escadaria Gabriel, localizada na entrada do palácio e que leva aos aposentos reais.