O caderno Rio publicou em reportagem: “No momento em que a crise no setor elétrico se agrava por causa da crise hídrica, a rede Arena de Hotéis conseguiu a certificação de eficiência energética para dois hotéis no Rio — um feito inédito, já que é o primeiro empreendimento do ramo de hospedagem na cidade a obter o reconhecimento. Os prédios, que ficam no Leme e em Ipanema, ainda estão em construção. Segundo informações da empresa, serão inaugurados em maio e outubro, respectivamente. Para conquistar a Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (Ence), concedida pelo Inmetro, a empresa precisou seguir uma série de determinações. Na construção das fachadas, por exemplo, há um vácuo de sete centímetros entre o acabamento externo e as paredes, criado para evitar o acúmulo de calor. Para que o ar quente não fique concentrado, foi instalada uma saída de ar na parte superior do edifício, funcionando como uma chaminé. Os vidros externos são feitos de materiais ecoambientais, desenvolvidos na Alemanha. Em cada placa há uma película que permite a passagem de luz, mas evita que o calor a ultrapasse. A mesma preocupação ocorre na cobertura do hotel. Os engenheiros optaram por usar porcelanato no piso, e sob ele, uma manta com isolante térmico”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Rio/Reportagem: Renan França/22/01/15