Galeria MeMo Brasil reúne 14 peças da arquiteta e designer

A partir do dia 30 de julho Aída Boal vai expor na Galeria MeMo Brasil, no Saddock 207, um espaço recém-inaugurado em Ipanema que une a galeria de design-arte à venda de móveis com tiragem limitada.

A mostra terá montagem de Zanini de Zanine e curadoria de Marcelo Vasconcellos e Alberto Vicente, reunirá 14 peças – cinco delas, inéditas, parte do acervo pessoal da artista. Como, as cadeiras Ângela e Luciana, em homenagem às duas filhas; Augusta, referência ao irmão (o dramaturgo e diretor teatral Augusto Boal); e JC Cavalcanti, em homenagem ao crítico. Como parte da mostra, também tem as cadeiras Elíptica e Itaipava; a poltrona Ipanema; a mesa Elíptica; a tríade Redonda; e os inéditos Móvel Baixo, as mesas Sítio, Mafra, Dórica e Patrícia.

As peças são feitas em madeiras jacarandá, pinho de riga e mogno, e possuem o peso do móvel moderno nacional, criadas entre os anos 1960 e 1970.

Aída não se sente parte de qualquer escola ou estilo. “Preferia não ver o que os outros estavam fazendo para não sofrer qualquer influência no meu trabalho. E acho que foi uma decisão acertada. Hoje, já acompanho o que os outros estão criando. Mas quando olho para a maioria das minhas peças, ainda gosto de quase todas”, conta Aída, que também teve momentos dedicados à escultura e à pintura.

Serviço:

Aída Boal

Galeria MeMo BrasilSaddock 207, Rua Alm. Saddock de Sá, 207, Ipanema. Tel.: 2523-8095.

De segunda a sexta, das 10h às 18h; sábado, das 10h às 14h.

De 30 de julho a 20 de agosto.

Cadeira Augusta

 

 

 


Mesa Patrícia

 


Poltrona Ipanema