A coluna Em casa, por Marcia Müller, divulgou em nota: “Chapas em estrutura plana dispostas sobre a parede formam um painel. Essas chapas podem ser de madeira MDF pintadas, folheadas, ou em qualquer outro material de estrutura plana. As almofadadas, em baixo ou alto relevo, emolduradas por outro material externo ou interno. O importante é serem contínuas, fazendo um conjunto linear de planos. E a esse conjunto chamamos de painéis. Esses painéis podem ter formas diversas, mas a continuidade do conjunto dá uma leitura bem interessante ao espaço. Toda forma longitudinal tende a aumentar o ambiente, por isso, em quartos pequenos, um painel contínuo fica sempre muito bom. Esses recursos que aprendemos nas primeiras aulas de geometria utilizamos para o resto da vida… O volume de um espaço pode aumentar ou diminuir muito com esses truques. Gosto muito de utilizar elementos contínuos. Além de serem importantes para aumentar o espaço, são sempre mais elegantes. Repetição é sempre mais harmônica, mesmo quando utilizamos materiais diferentes. Mostro em meus projetos cabeceiras em painéis em madeira e outras pintadas. Esses quartos relativamente pequenos aproveitaram bem esse recurso do painel, que além de aumentar o espaço, possibilitou uma estrutura de cabeceira para as camas! O painel de formas e materiais diversos contribui sempre para dar elegância e dimensão ao espaço!!!”. Leia mais no blog.

Fonte: Lu Lacerda/08/10/14

http://lulacerda.ig.com.br/em-casa-por-marcia-muller-cabeceira-em-painel/