Aos 90 anos, o artista plástico Eduardo Sued recebeu ontem os convidados na abertura de sua exposição na Mul.ti.plo.

Para o artista: “Noventa, 89, 25 anos, é tudo a mesma coisa. Só vivi mais tempo”, diz ele.

A mostra reúne 25 obras, entre pinturas e objetos, recentes e inéditas. Sua obra é colorista, com cores únicas que ocupam o vazio da tela. Trata-se de um trabalho de composição, possibilitando que cores improváveis conversem entre si. Sued construiu uma nova linguagem através de contrastes exclusivos, marcada pela contemporaneidade de sua obra.

Crédito: Paulo Jabur