Segundo matéria da Revista, “acostumada a garimpar móveis e objetos de decoração em feiras e eventos mundo afora, a designer de estilo Luciana Duque percebeu, nos últimos tempos, uma profusão no uso de aramados. Antes relegado a organizadores na cozinha, por exemplo, o material ganhou os outros cômodos, em produtos como bancos, mesas de centro e até armários. Os motivos para esta tendência são os mais diversos, e é possível que os arames devam um tanto de seu sucesso até à crise econômica mundial — já que são baratos e fáceis de manusear e deslocar, características sempre bem-vindas em tempos de crise. Mas o importante é mesmo o resultado: casas mais leves e modernas”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Revista O Globo/Reportagem: Thaís Britto/08/03/15