A revista Kasa trouxe em matéria: “Natural de Taquaritinga e formado em Arquitetura pela PUC Campinas, aos 35 anos o arquiteto Eduardo F. Correia é uma das gratas promessas da nova geração. Depois de passar seis anos na labuta com execução de obras, ele montou o próprio QG no interior – que ainda este ano também terá sucursal na capital paulista (mais no site efcarquitetura.com.br). “Trabalho desde o segundo ano da faculdade com projetos arquitetônicos”, relembra. Nas páginas de KAZA, ele estreia com o apê de 102 metros quadrados, localizado na região central de São Paulo. A simpática toca, que teve o layout todo reconfigurado – da casca ao recheio – serve de morada a um jovem advogado do mercado financeiro fã de MPB, purista, daqueles que colecionam LPs de vinil e os deixam à mostra. Para dar novos ares à casa, um quarto da antiga composição foi anexado à sala e à cozinha. “A decisão de integrar os espaços já era dele, eu apenas formalizei”, explica. Uma parede foi transformada em balcão (bar) e uma bancada baixa, para o uso geral, que ocupa toda a extensão do living. O processo de descascar as vigas e as colunas das paredes demolidas demarca a principal intervenção no espaço. O profissional também propôs ladrilhos hidráulicos para o piso da sacada e frente do balcão, porcelanato Portobello na cozinha e restauro do piso de tacos, de madeira ipê, originais do edifício da década de 1960.”

Fonte: Por Fabiano Cameran | Fotos Gui Morelli

http://www.tecto.com.br/RevistaKaza/Projetos/2015/04/07/Back-to-Black