Segundo nota do caderno Ela, “fica até o dia 3 de março no Palais de Chaillot, a exposição “1925, quand l’Art Déco séduit le monde”. A parte brasileira tem a curadoria do expert Marcio Roiter, que também assina o capítulo “Rio, São Paulo, Paris, ou le destin croisé et metissé de l’art déco” no livro sobre a mostra. As filas atestam que é uma das exposições mais concorridas da temporada. www.citechaillot.fr”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Ela/Front/18/01/14