O caderno Ela trouxe em nota: “Eu sei que o filme dizia que era o azul, assim como imagino que você não aguente mais ler sobre “a cor mais quente”. Mas, desde que o mundo é mundo, o posto é do vermelho. Lembre-se de Diana Vreeland, fã assumidíssima, e de Marilyn Monroe e seu batom. Tudo isso para falar do bufê desenhado por Jayme Bernardo. Em laca acetinada e mais vermelha e quente do que nunca, ele está na Finish. Tel.: 2429-8196”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Ela/Front/06/12/14