O caderno Niterói trouxe em nota: “Foi aprovado na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro projeto de lei que define o Cinema Icaraí como patrimônio cultural do estado. A nova lei preserva todo o prédio, que, repassado à UFF, continua abandonado. Fechado há uma década, o Cinema Icaraí estreia novo capítulo na longa novela que começou em fevereiro de 2006. Na última quarta- feira, a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro ( Alerj) aprovou projeto de lei que define o Cinema Icaraí como patrimônio histórico e cultural do estado. Na prática, isso garante a preservação de todo o prédio original, construído na década de 1940, um dos poucos exemplares da arquitetura art déco na cidade. Antes, apenas a fachada havia sido tombada por lei municipal. A nova lei não define, no entanto, medidas imediatas para a recuperação do imóvel, hoje abandonado”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/Niterói/26/02/16