Segundo matéria do Morar Bem Online, “A estrutura em condomínio fechado do Porto Vida — o primeiro residencial da região portuária da cidade — surpreendeu o presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) e professor de arquitetura e urbanismo da UFRJ, Sérgio Magalhães. Grande entusiasta do projeto vencedor do concurso promovido pelo IAB, feito pelo arquiteto carioca João Paulo Backheuser e o catalão Alonso Balaguer, que criava praças públicas nos miolos dos quarteirões, Magalhães teme que a essência do que foi pensado para o novo Porto esteja se perdendo. — É uma pena que o mercado esteja, de certo modo, impondo os valores que já vem trazendo desde sempre. O projeto perdeu qualidades do que é a cidade contemporânea. Esse tipo de empreendimento já está ultrapassado — diz Magalhães, que teme que o Porto tenha poucas unidades habitacionais. — Para que o Porto dê certo, é importantíssimo que seja um bairro de uso múltiplo, com moradia, pequenos comércios, lazer, prédios corporativos. Desse ponto de vista, houve algumas perdas nesse novo projeto — diz Magalhães”. Leia mais no Globo Online.

Fonte: Globo Online/ Morar Bem/ 04/06/13

http://oglobo.globo.com/imoveis/presidente-do-iab-critica-novo-projeto-para-residencial-do-porto-8591067