O site da Casa Vogue trouxe em matéria: “Ousar na pintura das paredes é prático e efetivo

Algumas alternativas de decoração parecem óbvias mas, quando aplicadas, são arrasadoras. É o caso do quarto infantil que a designer Jennifer Shalom criou para seu filho. Apesar de ter adotado o minimalismo, ela elegeu elementos fortes que chamam a atenção. O mais importante é a pintura da parede. Em vez de escolher uma delas para injetar cor ou uma única tonalidade para todas, Jennifer pintou a parte inferior do cômodo (incluindo portas, armários e janelas) de preto, dando a impressão de que o ambiente já esteve “submerso”. Ao lado da cama, dois elementos continuam o jogo de contrastes. Enquanto o criado-mudo branco traz dois pés como se o móvel fosse um andarilho, um cesto rústico figura ao seu lado. Divertido e muito elegante!”