A coluna Front informou em nota: “O banquinho da leiteira de Sergio Rodrigues faz 60 anos e ganhou uma edição limitada de 60 peças feitas em madeira de lei (de Cabreúva, cortada há 20 anos). Chamado oficialmente de banco Mocho, ele vem com numeração em baixo-relevo, assinatura de Sergio (este lançamento já estava em produção desde o começo do ano) e terá uma parte da renda doada ao Instituto Sergio Rodrigues. Encontramos o desenho feito por ele, que explica a inspiração, as adaptações e os cortes do simpático e atemporal banquinho de três pés. Um charme. A peça clássica também virou joia nas mãos do designer Antonio Bernardo, que lançou um pingente que reproduz o Mocho. Tem opções em prata e ouro”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Ela/Coluna Front/04/10/14