O Jornal de Bairros O Globo/ Zona Sul publicou em matéria: “Jaime Vilaseca é conhecido como o mago dos restauros e acha que desastres inusitados, como o estrago da obra ‘Eis o homem’, de  Elias Garcia Martinez, recentemente arruinada por uma senhora espanhola, não acontecem à toa. — Não é indicado que as pessoas tentem consertar ou limpar obras de arte sozinhas. Existem pessoas  especializadas  no assunto, que estudam e trabalham para isso. Quem tem uma coleção deve ter um personal — aconselha Vilaseca, figura muito conhecida e admirada pelos fãs de arte”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Zona Sul/ Reportagem: Monique Vasconcelos/ 20/09/12