Inspirada no glamour da Paris dos anos 20, a designer Fabiana Pomposelli lançou mão de detalhes caprichados e rigor estético na nova coleção do seu charmoso Atelier Clementtina, montado comme il faut em um sobrado na rua Lopes Quintas, no Jardim Botânico.  Escondido, o espaço é um mimo só, com aquele jeitinho de garimpo chique: há almofadas exclusivas arrematadas com bordados feitos a mão e paetês nas laterais, cúpulas de abajur estampadas, louças, móbiles, laços para cortinas… “O bacana é que lanço duas coleções por ano, sempre amarradas por um tema e com tecidos que trazem estampas exclusivas, desenvolvidos por mim. É um trabalho de formiguinha, mas apaixonante”, aponta ela, que recentemente conseguiu criar tecidos adesivados com suas padronagens, que funcionam como papéis de parede. “Esse é agora um must da Clementtina, que vem fazendo o maior sucesso. Em poucas horas, é possível transformar a decoração com uma estampa bacana, única, forrando a parede”, completa ela. E aqui vai um depoimento do estilo-Clementtina de ser e viver, by Fabiana: “Aposto cada vez mais numa casa com alma onde vale tudo na mistura de cores com elementos que guardam memórias. Sabe aquela parede onde você vai colocando quadros, espelhos, fotos de viagem e tudo o que remete aconchego e alegria de viver? Casa tem que ter flor, bolo de chocolate e muita alegria né?”.

Fotos de Marcos Semola

Atelier Clementtina – http://atelierclementtina.blogspot.com/