O site da Casa Vogue trouxe em reportagem: “Os anos iniciais de Lina Bo Bardi no Brasil foram marcados pela efervescência criativa. O projeto mais lembrado desse período é a sede provisória do Museu de Arte de São Paulo (Masp). Mas Lina também criou um consistente mobiliário entre 1947, quando desembarcou por essas bandas, e 1950, período em que começou a trabalhar em Salvador. Uma exposição na capital paulista oferece a oportunidade de conhecer 30 peças produzidas durante esse período rico, mas pouco enfocado. Lina Bo Bardi designer: o mobiliário dos tempos pioneiros, pode ser conferida entre sábado (18/10) e 6 de dezembro na Casa de Vidro, que a arquiteta criou para si, hoje sede do Instituto Lina Bo e P. M. Bardi. Além das peças desenhadas para a primeira sede do Masp, a mostra revela  os móveis desenvolvidos para o catálogo do Studio de Arte Palma, juntamente com o arquiteto Geancarlo Palanti, peças montadas pela arquiteta e seu marido, além do mobiliário criado para a própria casa. Apresenta também o projeto que culminou com a criação da poltrona Bowl, obra que deu visibilidade internacional à face desenhista industrial de Lina. Também estarão presentes fotos e desenhos doados pelo instituto. A maioria dos itens nunca foi exposta. “A exposição reafirma o quanto e decisivamente o trabalho de Lina influenciou toda uma geração de designers que desenvolveram a partir de suas propostas concretas um olhar genuíno e brasileiro na elaboração de suas criações, a começar por Sergio Rodrigues “, conta o curador Sergio Campos. Um livro homônimo à exposição será lançado em novembro pela Olhares e uma mostra complementar está prevista para 2015. A nova montagem abordará o retorno de Lina a São Paulo e seus projetos para o Masp da avenida Paulista e o Sesc Pompeia,  entre outros”. Leia mais no site.

Fonte: Casa Vogue/16/10/14

http://casavogue.globo.com/MostrasExpos/Design/noticia/2014/10/mostra-revela-design-de-lina-bo-bardi.html