No final de semana dos dias 6, 7 e 8 de julho, das 11h às 18h, os cariocas já têm programação garantida. Subir as ladeiras do charmoso bairro de Santa Teresa para apreciar um belo cenário com muita arte e desfrutar de um variado roteiro gastronômico. É o Arte de Portas Abertas que chega a sua 22ª edição e reúne mais de 60 artistas, além do Coletivo Filé de Peixe, do Coletivo 13 Numa Noite e do Coletivo Casa da Ladeira, divididos num circuito de 36 ateliês e 10 espaços de cultura. Para marcar a abertura do evento, hoje, às 19h, acontece um coquetel para convidados no Parque das Ruínas.

Quem for à Santa Teresa durante o Arte de Portas Abertas poderá matar a saudade do bonde, um dos ícones do bairro que pela primeira vez não participa do evento e receberá uma homenagem dos artistas. Será uma intervenção urbana que consiste numa reprodução de bonde com a metade do tamanho original. A obra será carregada pelos artistas e o público poderá entrar e relembrar como é andar de bonde. A estação ficará  na Rua Paschoal Carlos Magno, quase esquina com a Rua Felício dos Santos e fará o trajeto de ida e volta até o Largo dos Guimarães.  A intervenção acontece durante todos os dias do evento.

O Parque das Ruínas é outro dos destaques da programação e vai abrigar a exposição do Espaço Eu Vira, mais novo ateliê do bairro, composto pelos fotógrafos Bruno Veiga, Greice Rosa, Rogério Reis, Osvaldo Carvalho, Leonardo Ramadinha e Marco Antonio Portela. A mostra, intitulada Roda Gigante, apresenta obras dos seis artistas, que são visualmente diversificadas, mas conectada com as coisas e preocupações do homem pós-moderno. O Parque das Ruínas também irá ambientar os trabalhos dos fotógrafos Valter de Gaudio e Edu Pimenta, do Coletivo Filé de Peixe e do Coletivo 13 Numa Noite. A Casa Amarela, o Museu Chácara do Céu, Centro Cultural Laurinda Santos Lobo, a Casa Alto Lapa Santa, o Cine Santa Teresa, o Museu Casa de Benjamin Constant, o Canto Carambola, a Academia Brasileira de Literatura de Cordel e o Museu do Doce Vivo, também estarão com exposições especiais o evento, que ficarão ambientadas durante todo o mês de julho.

Durante os três dias de Arte de Portas Abertas, o público terá a oportunidade de conhecer de perto trabalhos de arte nas oficinas onde são concebidos e produzidos e, ainda, conversar com os artistas e descobrir um pouco mais sobre o seu universo de trabalho e seu estilo de vida. Para o artista plástico Edson Silveira, o evento contribui com a democratização da arte e educação do olhar. “Quando o artista abre seu ateliê aproximando o público do seu universo físico e imaginário, cria uma proximidade com esta parte sensível do universo do homem. A apreciação da arte passa pela sensibilidade e não pelo consumo. A arte está no olhar antes mesmo de estar no objeto”, conclui.

A partir do surgimento da Chave Mestra, em 2003, o Arte de Portas Abertas iniciou um ciclo com uma estrutura mais forte, que contempla a estratégia decidida em conjunto pelos artistas. O projeto criou demandas que extrapolam o final de semana tradicional e realizam, durante todo o ano, uma série de ações persistentes que ampliam o alcance e fortalecem ainda mais a política cultural proposta pelos artistas do bairro.

Ano após ano são construídas, na perspectiva de revitalizar o bairro, várias ações visando à discussão da arte contemporânea, ao mesmo tempo em que acolhe e expõe os mais variados conceitos e técnicas utilizadas no trabalho artístico. Ver, falar, perguntar, escutar do artista o seu processo de criação e a sua história no seu local de trabalho, onde as pistas e as marcas persistem além da obra, tudo isso descortina para o visitante um mundo no qual ele é convidado a participar quando visita os ateliês. O Arte de Portas Abertas conquistou os cariocas e se firmou como o mais amplo e simpático acontecimento de artes visuais do Rio de Janeiro.

Arte de Portas Abertas – 22ª edição

Sexta, sábado e domingo, 06, 07 e 08 de julho de 2012.

De 11 às 18h.  Santa Teresa – Rio de Janeiro.

36 ateliês, Mais de 60 artistas, 10 espaços culturais restaurantes e lojas.

 

Central de Produção do Arte de Portas Abertas:

Chave Mestra – Associação dos Artistas Visuais de Santa Teresa

Tel. 2507-5352/www.chavemestra.com.br

Produtos do ARTE DE PORTAS ABERTAS podem ser encontrados à venda na sede da CHAVE MESTRA localizada à Rua Felício dos Santos, 09 – casa 01