Cada vez mais os projetos de arquitetura e interiores buscam imprimir a personalidade de seus moradores em cada cantinho, por meio de elementos que revelem as características e lembranças mais marcantes de cada pessoa. Nesse sentido, as cores, a iluminação, os móveis, revestimentos e os objetos decorativos têm papel fundamental, afinal, eles ajudarão a contar essas histórias. Como exemplo, a megastore Yamamura apresenta, em parceria com o escritório Zimbro Arquitetura, dos profissionais Marcos Nogueira e Ricardo Horiuchi, um projeto de reforma de apartamento, em que os arquitetos criaram soluções interessantes com o intuito de explorar toda a memória afetiva da família.

 

 

Segundo Marcos e Ricardo, “A família desejava um apartamento bem colorido e alegre. Optamos em manter uma base neutra nas paredes, enquanto a marcenaria foi pensada com cor, mas em tom pastel para manter a leveza. Segundo Marcos e Ricardo, Dentre as opções que estudamos, chegamos no verde pastel com o rosa bebê, uma combinação que sempre é bem-vinda! Então essa foi a base para o projeto, adicionando um toque de madeira para trazer esse sensorial aconchegante”, contam.

 

 

Para quem busca um ambiente leve e descontraído, vale a pena investir em uma tendência dos anos 60 e 70, que retornou com força nos últimos anos: as Candy Colors, ou seja, aqueles tons pastel e mais suaves, geralmente inspirados nas cores de balas e chicletes. Pisos, paredes, ornamentos, luminárias, móveis e marcenaria em geral podem ganhar muita personalidade por meio dessas tonalidades.