Segundo matéria do caderno Zona Sul, “esqueça as arcaicas regras que condenam o uso de floral, poá e listras, tudo junto. Nos lares modernos, essa mistura é bem recebida e dá um toque pessoal aos cômodos. Para combinar — ou descombinar —, a regra é valorizar o gosto de cada pessoa. E liberar a ousadia. A designer Miriam D’Aquino Amado, que está à frente da loja Paramento (2294-2537) desde 2006, é especializada em almofadas e busca no uso de tecidos e texturas uma forma de deixar suas peças mais exclusivas e não com o aspecto de ‘um pedaço de pano quadrado que alguém encheu’. Ela acredita que esta é uma tendência crescente e defende que os clientes se sentem mais à vontade para mesclar, principalmente aqueles que estão montando agora suas casas”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Zona Sul/ Reportagem: Rafaella Javoski/ 21/03/13