O site da Casa claudia trouxe em reportagem: “No dia histórico do 7×1, relembramos que tanto Brasil e Alemanha possuem dois prêmios Pritzker, o Nobel da Arquitetura

Há exatamente um ano, os brasileiros choravam pela derrota por 7 a 1 contra a Alemanha, nas semifinais da Copa do Mundo. Se, no futebol, a Alemanha está anos-luz à frente da nossa seleção, seja pelo talento ou pela técnica; na arquitetura, é um pouco diferente. As duas nações estão empatadas em 2 x 2, se considerarmos o número de ganhadores do Pritzker, o prêmio “Nobel” da Arquitetura. Na disputa, a Alemanha saiu na frente com Gottfried Böhm, que recebeu a nomeação em 1986. Depois, foi a vez do Brasil com Oscar Niemeyer em 1988, laureado junto com outro arquiteto, Gordon Bunshaft. Mais tarde, em 2006, Paulo Mendes da Rocha foi agraciado com a premiação. E, no ano passado, foi a vez do alemão Frei Otto ser contemplado.”

Fonte: por Jéssica Michellin

Leia mais em:http://casa.abril.com.br/materia/na-arquitetura-brasil-e-alemanha-seguem-empatados