De acordo com nota da coluna do Ancelmo Gois, “A Associação de Moradores da Gávea, por meio de seu diretor Ralph Rodrigues Lifschits, 70 anos, levou ao prefeito Eduardo Paes uma proposta polêmica: mandar derrubar as grades que ficam em frente aos prédios, como por exemplo, na Rua Carlos Góes, no Leblon. ‘Tem rua no Rio que parece campo de concentração gradeado de uma ponta a outra’, diz Lifschits, que é arquiteto. Para ele, ‘estas grades de alumínio são inócuas em termos de segurança, e tornam-se um estorvo de aspecto horroroso’. Mas não é um tema fácil, numa cidade que, ainda hoje, em que pese os avanços da política de segurança pública, é muito violenta. Contudo, como foi dito aqui uma vez, é chegada a hora de levar esta discussão à mesa. Quem se habilita?”. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Ancelmo Gois/ 08/02/13