Segundo matéria do caderno Rio do jornal O Globo, o empresário Marcelo Rodrigues, um dos sócios da Syn-Brasil Empreendimentos Imobiliários, que comprou em leilão o prédio da antiga fábrica Bhering, no Santo Cristo, disse ao GLOBO que não aceitará a permanência dos artistas no edifício, ocupado por mais de 50 ateliês e cerca de 20 empresas há 12 anos. Segundo ele, a intenção é criar ali um “centro cultural, com teatro, restaurante e cervejaria”. Sua família é dona de uma fábrica de cerveja em Teresópolis. — A vocação do prédio é cultural. Vamos explorar uma parte comercialmente, com a cervejaria, e vamos dar espaço a artesãos. Mas eles serão selecionados por nós — afirma. Leia mais no jornal O Globo.

Fonte: O Globo/ Segundo Caderno/ Reportagem: Audrey Furlaneto/ Foto: Carlos Ivan