A coluna Gente Boa informou em nota: “Os calceteiros, da prefeitura e particulares, não estão respeitando o projeto paisagístico de Burle Marx para o calçadão (tombado pelo Inepac) junto aos prédios da Avenida Atlântica. Entre a Xavier da Silveira e a Djalma Ulrich, Posto Seis, pedras brancas estão sendo colocadas no lugar das vermelhas. O resultado é um remendo triste de se ver. A Secretaria de Conservação diz que a calçada junto aos prédios da Atlântica é de responsabilidade compartilhada, por causa do projeto de ampliação, dos anos 70. Problemas foram encontrados em áreas de três proprietários, que terão 15 dias para fazer reparos. Os que forem de responsabilidade municipal serão corrigidos em até três dias”. Leia mais no Segundo Caderno.

Fonte: O Globo/ Segundo Caderno/ Gente Boa/ 08/02/13