De acordo com nota da coluna Em casa, por Marcia Müller, “uma técnica que veio da África, o tie-dye chega com tudo dentro da casa. Em tecido ou papel de parede, esse colorido degradê dá um charme incrível a qualquer ambiente. Charme e elegância que antes eram associados aos anos 60, momento hippie quando o tie-dye era quase uma ligação instantânea. O tie-dye, na verdade, é uma técnica bem simples – por isso o efeito é tão lindo. Trata-se de um tingimento aonde algumas partes do tecido são protegidas e isoladas do corante. Antes de tingir o tecido, ele é preparado para se conseguir o efeito degradê, que é a marca registrada do tie-dye. Na Tailândia, o tie-dye é super sofisticado: os desenhos são elaborados com várias cores e o efeito é incrível. Para casa, eu prefiro apenas dois tons. A informação do tie-dye é algo simples e fluido. Com pouca técnica e um lindo linho, o algodão se transforma num tecido profundamente especial e único!! O simples e o sofisticado, juntos e misturados!!! Mostro fotos de lindos tie-dyes que fizeram a total diferença!!!!”. Leia mais no blog.

Fonte: Lu Lacerda/10/06/14

http://lulacerda.ig.com.br/em-casa-por-marcia-muller-tie-dye/