A coluna Em Casa, por Márcia Muller, informou em nota: “Existem estruturas que o tempo não conseguiu nem mesmo modificar em forma ou função. A tenda é uma dessas, de uma casa ou jardim, que resistiu ao tempo. É também uma das formas mais antigas da habitação primitiva. As primeiras eram cobertas de peles muito usadas nos desertos e nas sociedades nômades.

Algum tempo depois, passou a ser feita em tecido tipo lona e foi se modernizando, mas sem perder sua elegância; hoje, sua versão mais moderna é feita em material tensionado. Essas lonas tensionadas podem ser executadas em lindas formas hiperbólicas (como o antigo e deslumbrante teto do pavilhão de São Cristóvão), compondo, com o espaço, verdadeiras obras de arte.

Eu gosto muito das tendas tradicionais, dentro ou fora de casa. As tendas internas, além de superelegantes, dão uma atmosfera sensual à casa. Ela pode ser feita em vários locais da sua casa e sempre em tecidos leves, fazendo aquela cadeira, banheira ou aquela cama ficarem com muito mais charme. Os tecidos, além de leves, devem ser fáceis de ser retirados para manutenção(…)”
Fonte: Em casa, por Marcia Müller

colagem 2

colagem 1

colagem 3