O site da Bamboo publicou em reportagem: “Conheci Jorge Hue quando assinei o contrato de compra da casa que, para mim, é a mais bonita que existe. O ano era 2010, e eu estava no Rio à procura de um imóvel com jardim, talvez um lugar no campo. Prefiro casa a apartamento. Naquele dia, achei que o corretor de imóveis seguiria para fora da cidade e, juntos, visitaríamos Araras ou Petrópolis, na serra fluminense. Mas, depois de rodar um pouco com o carro, saltamos em pleno bairro da Gávea, na zona sul carioca”. Leia mais no site.

Fonte: Bamboo/Reportagem: Vanessa Alves Baptista/12/08/14

http://bamboonet.com.br/posts/o-artista-plastico-vik-muniz-conta-como-se-apaixonou-pela-casa-e-historias-de-jorge-hue-que-cria-interiores-primorosos-e-completa-91-anos